Entre na sua conta

Nome utilizador *
Senha *
Lembrar-se

Criar uma conta

Os campos com asteristico (*) são obrigadórios.
Nome *
Nome utilizador *
Senha *
Verificar Senha *
Email *
Verificar email *
Captcha *
Reload Captcha
DESTAQUE

DESTAQUE (56)

A nossa equipa principal de futebol, realizou hoje dia 17, o terceiro jogo amigavel, dos cincos, agendados no estágio que efetua desde o dia 05 de Janeiro 2018, na cidade de Benguela.

Após golear no passado domingo (14.01.18) a formação de Benguela, o Jackson Garcia por 5-0, o D´Agosto recebeu e venceu hoje o Desportivo da Huíla por 3-1, com golos de Geraldo (2) e Medá (1) , no amistoso nº 3, disputado as 18h15 no estádio nacional da Ombaka.

Para este encontro, Zoram Maqui alinhou os seguintes jogadores, Julião, Mingo Bile, Bonifácio, Dany Massunguna, Natael, Show, Medá, Mongo, Geraldo, Guelor e Nelson.

Jogaram também, Mário, Vanilson, Cirilo, Gui, Razak e Tony Cabaça.

O próximo jogo será entre a Acadêmica do Lobito ou Sagrada Esperança da Lunda norte, em data e local anunciar.

 

 

foi uma prova autêntica de que nem sempre o melhor jogador é aquele que marca mais golos…

 

O Atleta de andebol do 1º de Agosto, Manuel Nascimento vulgarmente conhecido por “Manucho” foi eleito o melhor jogador da partida de estreia da Seleção Angolana no Campeonato Africano das Nações que começou a ser disputado hoje 17/01/18 na Cidade Gabonesa de Libreville e vai decorrer até o próximo dia 27 de Janeiro de 2018.

 

A partida, foi uma prova autêntica de que nem sempre o melhor jogador é aquele que marca mais golos, neste jogo, Manucho marcou apenas dois golos, mas realizou várias assistências que permitiram maior produtivadade da nossa seleção na vitória por 29-16 aos Congoleses.

 

De realçar ainda que o 1º de Agosto encontra-se representado nesta competição com os seguintes jogadores: Giovani Muachissengue, Romé Hebo, Gabriel Teca, Elsemar dos Santos, Otiniel Pascola, Adilson Maneco, Cláudio Pedro, Feliciano Couveiro, Agnelo Quitongo, Aguinaldo Tati e tem como treinador, o técnico principal da equipa seniores masculina do 1ºde Agosto, Filipe Cruz.

 

Obrigado por visitar a nossa página e se manter informado.

 

 

 

foi uma prova autêntica de que nem sempre o melhor jogador é aquele que marca mais golos…

O Atleta de andebol do 1º de Agosto, Manuel Nascimento vulgarmente conhecido por “Manucho” o camisola nº 10 na imagem de arquivo acima, foi eleito o melhor jogador da partida de estreia da Seleção Angolana no Campeonato Africano das Nações que começou a ser disputado hoje 17/01/18 na Cidade Gabonesa de Libreville e vai decorrer até o próximo dia 27 de Janeiro de 2018.

A partida, foi uma prova autêntica de que nem sempre o melhor jogador é aquele que marca mais golos, neste jogo, Manucho marcou apenas dois golos, mas realizou várias assistências que permitiram maior produtivadade da nossa seleção na vitória por 29-16 aos Congoleses.

De realçar ainda que o 1º de Agosto encontra-se representado nesta competição com os seguintes jogadores: Giovani Muachissengue, Romé Hebo, Gabriel Teca, Elsemar dos Santos, Otiniel Pascoal, Adilson Maneco, Cláudio Pedro, Feliciano Couveiro, Agnelo Quitongo, Aguinaldo Tati e tem como treinador, o técnico principal da equipa seniores masculina do 1ºde Agosto, Filipe Cruz.

 Obrigado por visitar a nossa página e se manter informado.

 

 

 

 A equipa principal de futebol do 1º de Agosto, voltou a imprimir hoje (14.01.18) goleada no estágio que efetua em Benguela.

Os militares derrotaram as 16h00, no estádio nacional da Ombaka, a formação local, o Jackson Garcia por expressivos 5-0, com golos de Guelor (1), Isaac (2), Nelson (1) e Natael (1).

A par dos experientes jogadores, os técnicos Zoran Maqui, Filipe NZanza e Ivo Traça, vão aproveitando os jogos de controlo, para avaliar os níveis de desempenho dos jogadores, principalmente dos jovens provenientes dos escalões inferiores que ascenderam recentemente a equipa principal.

Recordamos que a equipa do R.I-20 faz hoje o seu segundo jogo de preparação na cidade de Benguela, sendo que, o primeiro diante do Nacional de Benguela, com o resultado de 9-0.

Amanhã segunda-feira, a equipa regista uma pausa e volta aos treinos na terça-feira.

 

A Direcção do Clube está a preparar a apresentação da equipa bicampeã de futebol das épocas 2016 e 2017 perspectivando também a conquista da época que se avizinha. O evento está marcado para Sábado dia 31 de Janeiro, no Estádio França N´dalu, a partir da 15h30. As entradas serão grátis e contamos com a presença de todos sócios, adeptos e simpatizantes do Clube para presenciar o momento. De realçar que, a equipa está neste momento a efectuar a sua preparação desportiva na província de Benguela e tem o seu regresso marcado para o dia 27 do presente mês, para defrontar no dia 4 de Fevereiro o Petro de Luanda na disputa da Super Taça. Mais informações em breve...

O médio ofensivo Mongo (Ex-Kabuscorp), que reforçou recentemente o plantel de futebol do D´Agosto, mostrou-se satisfeito por fazer parte da maior agremiação desportiva do País.

Em declaração feita hoje (13.01.18) pelo nosso orgão, no final do treino, o jogador afirmou que aposta na équipa militar foi a mais acertada, porque foi sempre o seu desejo jogar num clube de grande dimensão.

O jogador promete trabalhar arduamente para impor-se na nova equipa. 

 

O 1º de Agosto realiza amanhã dia 14 (domingo), o segundo dos cinco jogo de preparação da época desportiva 2018, no estágio pre-competitivo que efectua na provincia de Benguela.

Os militares vão defrontar as 16h00, no estádio da Ombaka a formação local, o Jackson Garcia, em substituição  do Domant do Bengo; A equipa de Bula Tumba, registou uma avaria ontem dia 13 (sábado), na cidade do Sumbe, província do Kuanza Sul, quando deslocava-se a cidade das Acácias Rubras, onde vai  preparar o seu plantel.

Recorde-se que no primeiro teste, os militares derrotaram o Nacional de Benguela por 9-0.

Mais detalhes em breve!

 

 De acordo com o Departamento médico do Clube, o internacional atleta Isaac está recuperado a 100%, após prolongada ausência nos relvados e poderá entrar nas opções do técnico Zoran Maqui.

Isaac que encontra-se a efetuar um estágio pre-competitivo com a equipa de futebol na província de Benguela, não escondeu a emoção, manifestando o desejo de voltar a ganhar a confiança no plantel, e provar mais uma vez a todos amantes do futebol, em particular aos adeptos o seu valor.

Recordamos que Isaac foi submetido a uma intervenção sirúrgica que o afastou dos relvados por nove meses.

O jogador deixou a seguinte mensagem: Estou preparado para atacar tudo!.

 

Os atletas lesionados, nomeadamente Dany Massunguna, Natael, Buá, Nelso, Show e Gui, encontram-se em fase de recuperação,  cumprindo com o programa estabelecido pelo departamento de fisioterapia.

Segundo o corpo clinico que acompanha a equipa de futebol no estágio em Benguela, o trabalho de recuperação tem sido intensivo, para que os atletas regressem aos trabalhos em curto prazo.

Neste momento os atletas em referencia, encontram-se a efectuarem exercicios de aprimoramento cardio-respiratório, fortalecimentos fisico com bola no campo e sessões de ginásio.

 

 

“Digamos que é injúria, o 1º de Agosto disse e bem, pôr em causa o Patriotismo do 1º de Agosto não fica nada bem a Federação Angolana de Futebol”.

Os Comentadores desportivos do canal-1 da Televisão Pública de Angola, especificamente do programa “Desporto Total” exibido ontem segunda-feira 08/01/18 a partir das 21h00 no canal público, analisaram a participação da Seleção Nacional no CHAN-2018, bem como as ausências dos jogadores do 1ºde Agosto nesta prova, os especialistas nas suas abordagens minimizaram a situação e alguns deram nota positiva a postura do 1º de Agosto em função das acusações feitas pelo Dirigente da FAF.

O programa moderado pelo Jornalista Mateus Gonçalves, abordou no seu primeiro bloco de forma profunda esta situação, tendo em vista as acusações e a legítima reação da Direcção do 1ºde Agosto em Comunicado Oficial, respeitando a Lei do contraditório e direito de resposta conforme orienta a Lei de Imprensa da República de Angola, no seu Capítulo V, Artigo 64º.

O Jornalista Mateus Gonçalves, colocou a seguinte pergunta aos seus convidados:

 Nesta fase, é mais importante a participação da Seleção no CHAN ou a Participação do Petro e do 1º de Agosto nas Afrotaças?

Surgiram as seguintes reações:

“Era preciso boas conversações e diálogo de forma atempada”

 Luis Cazengue “Luisinho”: “…São coisas completamente normais, agora era preciso boas conversações e dialogo de forma atempada para que estes atropelos a ciência e também aquilo que é…as boas praticas recomendáveis”.

Conceição Gaspar: “Mesmo não tendo antes o contacto com o comunicado que o 1ºde Agosto faz, nós já tínhamos afirmado que as afirmações feitas pelo Vice-Presidente da FAF, Adão Costa, não eram oportunas, porque de facto feria a moral de uma agremiação como é o 1ºde Agosto e depois, logicamente quando tomo contacto com aquele comunicado, é um comunicado que foi muito bem elaborado, é claro que há pessoas que dizem que o 1º de Agosto devia se ter resguardado para um fórum próprio, não…se eu sou “achincalhado” na praça pública, eu tenho que no mínimo e de forma muito responsável explicar á Nação ao menos aos agentes desportivos o quê que aconteceu. E quando eu constato e nós dizíamos que:

 - A FAF não tem diálogo com os Clubes, afinal dialogaram, porque naquele comunicado diz que em novembro fizeram reuniões, não só uma, por isso é que eu digo: fizeram reuniões, esteve o Vice-Presidente da FAF e então pergunto: Por que carga de água é que faz aquelas afirmações? Será que não é responsável? Será que acordou-se alguma coisa que a Direcção do 1ºde Agosto não cumpriu? Pois fica esta dúvida. Mas o que é facto é que estamos diante de um caso que necessita de ser bem avaliado, é claro há vozes que dizem que o presidente da FAF não está presente, mas o que é facto é que alguma coisa deve ser feita”.

“Eu penso que realmente o 1ºde Agosto terá feito bem, tem que priorizar a sua competição e não pode se criticar até porque não é uma data FIFA”

José Cunha: Na verdade este diferendo ou esta desavença entre o 1ºde Agosto e a Federação não tem razão de ser, e oxalá que se resolva o mais depressa possível. Sobre tudo, porque o 1º de Agosto é o maior impulsionador do nosso desporto, tal como o Petro, a base principal do desporto angolano vem realmente justificar esta questão e aqui eu montei uma mínima dúvida, o mais importante para o futebol angolano é que o Petro e o 1ºde Agosto sigam mais longe possível, ou seja, chegar pelo menos na fase de grupo das competições africanas onde estão envolvidos, para que mais depressa possível os nossos Clubes possam voltar ao “ranking” que os possibilite entrar direitamente para a fase de grupos.

“Não há dúvida nenhuma que neste momento é mais importante o Petro e o 1º de Agosto chegarem a fase de grupos”

É claro que a representação nacional é sempre importante, mas vou lhes dar um exemplo acerca da importância que tem este CHAN, na última Gala para eleger o melhor atleta africano, foi eliminado o prémio para o melhor jogador africano a actuar nos campeonatos nacionais, porquê? Porque a CAF argumentou e muito bem, que o prémio principal é só um, o melhor jogador africano, não importa se está a jogar no Continente ou fora, isto prova bem que o CHAN é uma prova que tem o seu limite, a sua razão de ser e é benvinda para permitir que os jogadores que ficam em áfrica, possam ter experiência internacional. Mas não há dúvida nenhuma que neste momento é mais importante o Petro e o 1º de Agosto chegarem a fase de grupos.

“Mesmo se não tivesse esta situação o 1ºde Agosto teria dito que não quer que os seus atletas vão…e estariam no seu perfeito direito”

O que eu queria dizer é que independentemente desta concentração eu penso que realmente o 1ºde Agosto terá feito bem, tem que priorizar a sua competição e não pode se criticar até porque não é uma data FIFA, mesmo se não tivesse esta situação o 1ºde Agosto teria dito que não quer que os seus atletas vão e estariam no seu perfeito direito, por tanto eu espero bem que esta situação se possa resolver, mas eu quero dizer que aí provavelmente a Federação Angolana posta jeito nesta questão, digamos que é injúria o 1º de Agosto disse e bem, pôr em causa o Patriotismo do 1º de Agosto não fica nada bem a Federação Angolana de Futebol.

 “Eu acho que é mais importante nesta altura no futebol nacional a participação das equipas nas competições africanas, porque nós temos que ser claros, ninguém leva esta competição muito a sério”

João Armando: “Eu acho que é mais importante nesta altura no futebol nacional a participação das equipas nas competições africanas, porque nós temos que ser claros, ninguém leva esta competição muito a sério. Vamos nós, porque obviamente tentamos levar este CHAN a sério, porque a Federação não tem um plano, o ano não lhe correu bem e agora um brilharete no CHAN dá jeito, claro se acontecer. Mas, agora repare o que é a planificação da Federação, nós participamos em TOULON onde é que estão os jovens de TOULON?.. Nós participamos em COSAFA onde é que estão os jovens de COSAFA? Aqui já estava uma base de uma seleção, poderiam calmamente ir ao CHAN, mas a Federação não tem planos para depois destas competições ter mantido a seleção.

“Ninguém leva este CHAN muito a sério, o CHAN serve para lançar jogadores, nós nos preocupamos porque nós não temos resultados a outros níveis”

Porque isto era perfeitamente evitável, pois a outra coisa, vou dar um exemplo cá em África, a África do Sul, organizou em casa naquele que a gente não foi porque fomos eliminados por Moçambique, sabes o quê que fez a África do Sul?

-Chamou os clubes todos, nem parou o campeonato e disse: A gente quer um jogador de cada Clube e fizeram uma seleção e juntaram depois com os juniores para fazer os 23, isso é preciso dizer, ninguém leva este CHAN muito a sério, o CHAN serve para lançar jogadores, nós nos preocupamos porque nós não temos resultados a outros níveis.

Nós fomos a Taça COSAFA e não sabíamos e fomos nós e o Malawi, o que me parece é que todo este conflito é por falta de haver um plano da Federação, veja só:

-A Federação marca para o dia 4 de Fevereiro a Supertaça e leva a seguir na convocatória 16 jogadores dos dois Clubes que vão disputar a Supertaça. Que plano é este? a Supertaça não é uma competição digna da Federação? Que é marcada para um dia onde a principio já não vão participar 9 do 1º de Agosto e 6 ou 7 do Petro.

 Repare o que eu quero dizer:

- Isto é um pouco feito a empurrar com a barriga, porque se houvesse um plano, das duas uma ou outra havia obviamente, questões precisas se aquela Supertaça é a 4 de Fevereiro então o 1º de Agosto dava 1 ou 2 jogadores no máximo para aquele troféu ter dignidade ou então adiava-se a Supertaça uma vez que a grande aposta era levar o melhor que temos ao CHAN, quer dizer é um pouco esta falta de que leva que os clubes obviamente tenham remitência.

Durante a conversa os analistas emitiram várias opiniões sobre o caso, todas a favor da participação digna das equipas angolanas nas competições africanas.

Obrigado por visitar a nossa página e se manter bem informado

 

 

 

Página 1 de 4

Please publish modules in offcanvas position.